pick-up 2

Acidente na Br-116 mata engenheiro de Ipatinga

30 ago, 2013 • Polícia • 556 Visualizações •

claudio

Cláudio iria completar 53 anos no dia 31 de agosto

Um grave acidente na madrugada desta quinta-feira, 29, próximo a cidade de Inhapim, deixou uma pessoa morta e outras três feridas. O acidente aconteceu no Km 501 da Br-116, nas proximidades da AABB e envolveu um caminhão e uma pick-up. Os dois veículos bateram de frente. A pick-up seguia sentido Caratinga e ficou com a frente totalmente destruída. Partes dos dois veículos ficaram espalhadas pela rodovia. Cláudio Araújo Vicente, motorista do carro de Ipatinga, morreu logo após o acidente. Uma enfermeira confirmou a falta dos sinais vitais da vítima. Segundo informações de parentes da vítima, o engenheiro iria para um sítio há poucos quilômetros do local da batida. O caminhão carregado de abacaxi saiu de Marataízes-ES e seguia para Ipatinga. Os três ocupantes ficaram feridos e foram atendidos pelos Bombeiros Voluntários de Caratinga. Rubian Fernandes Marques estava dentro do caminhão. Ele afirmou que a caminhonete invadiu a contramão. “Veio um cara alí na contramão cortando um caminhão. Na hora que meu primo veio descendo, meu primo buzinou só que ele não fez nada, ele entrou direto no lado do motorista” afirmou Rubian.

pick-up

O caminhão tombou com o impacto. O motorista, Júlio César Claudiano Marques, de 26 anos, ficou preso entre as ferragens. Os bombeiros tiveram que usar o desencarcerador para, mas a maquina apresentou problemas. Júlio césar só foi retirado depois de quase duas horas, depois que os bombeiros com a ajuda de pessoas que passavam pela rodovia amarraram cabos de aço na cabine do veículo.

Júlio César quebrou uma das pernas. Os feridos foram levados para o Pronto Atendimento Municipal de Caratinga. A Polícia Rodoviária Federal irá investigar as causas do acidente. “o local do ponto de impacto, os vestígios que ficaram no local do acidente e restos de veículo, conclui-se que a caminhonete invadiu a contramão”, é o que disse o Patrulheiro Luíz Fernandes.

Comentários

Posts Relacionados

« »